Home

Na capital e no interior, milhares foram às ruas contra cortes na educação

 

Em Fortaleza, as movimentações começaram por volta das 6 horas da manhã, com cerca de 50 estudantes bloqueando o cruzamento da Av. da Universidade com a Av. 13 de maio. A partir de 8h30, manifestantes seguiram para concentração na Praça da Bandeira, no centro da capital cearense. De lá, o ato continuou pelas ruas do bairro até voltar para a reitoria da Universidade Federal do Ceará. A estimativa dos organizadores da manifestação é de que 100 mil pessoas tenham participado. A Polícia Militar ainda não confirmou os números. A manifestação foi pacífica e as vias dos locais de concentração eram bloqueadas por agentes de trânsito. Protestos também foram registrados no interior do Estado. Juazeiro do Norte, Tauá, Crato, Sobral, Cedro, Iguatu, Canindé, Crateús, Quixadá e municípios cearenses também tiveram mobilização de estudantes e professores nesta quarta-feira.