Home

"Bomba em viaduto era pra ser crime de terrorismo", afirma Camilo Santana

 

Em entrevista exclusiva para a rádio O POVO CBN nesta sexta-feira, 11, o governador Camilo Santana diz que os crimes que vêm acontecendo no Ceará deviam ser enquadrados como terrorismo. "Se você coloca uma bomba em um viaduto era para ser considerado no Código Penal Brasileiro crime de terrorismo, mas não é. Porque nossa legislação está falha.

 

Camilo ainda ponderou sobre o Governo do presidente Jair Bolsonaro e criticou aliados. "Eu não estou criticando o governo atual não. Muito pelo contrário. O Governo tem dado todo o apoio. Eu estou criticando todos os governos que passaram, inclusive do meu partido, que foram omissos nesta área da segurança pública". Além disso, o governador disse que os ataques criminosos que ocorrem no Ceará desde a última quarta-feira, 2, são uma retaliação à série de medidas que o Estado vem adotando no combate ao crime.

  

Confira a entrevista completa com o governador Camilo Santana. (Foto: Fábio Lima/O POVO)